Mais de 30 mil funcionários foram demitidos das industrias paulista em julho

Home » Notícias, Regional » Mais de 30 mil funcionários foram demitidos das industrias paulista em julho

14/08/2015 15:08 - Atualizado em 14/08/2015 16:08

A indústria paulista demitiu 30,5 mil trabalhadores em julho (-1,07% ante junho, com ajuste sazonal) e acumula saldo negativo de 92,5 mil cortes em 2015, informou nesta quinta-feira a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

O resultado de julho é o pior para o mês na série histórica, iniciada em 2006. Na comparação com julho do ano passado, são 205,5 mil vagas a menos, também o pior desempenho da história. O acumulado nos sete primeiros meses do ano também é o mais negativo desde o começo da pesquisa.

Dos 22 setores avaliados pela pesquisa, 17 registraram baixa em seu quadro de funcionários, três registraram contratações e dois ficaram estáveis. A indústria de açúcar e álcool foi responsável por 2.718 demissões em julho, enquanto o restante do setor de transformação fechou 27.782 postos de trabalho.

A indústria de veículos automotores demitiu 6.661 funcionários, enquanto o setor de produtos de borracha e de material plástico fechou 3.970 vagas. E o segmento de produtos têxteis registrou 2.389 demissões. O setor que mais contratou no mês passado foi o de produtos diversos, que criou 172 vagas no Estado.

No ano passado, a indústria paulista registrou o fechamento de 130 mil postos de trabalho.

O Depecon sonda o emprego em 36 regiões paulistas. Em julho, 31 anotaram demissões, três contrataram e duas se mantiveram estáveis.



whatsapp_jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top