Ed Motta desdenha dos brasileiros e gera revolta nas redes socais

Home » Musicalidades » Ed Motta desdenha dos brasileiros e gera revolta nas redes socais

13/04/2015 07:04 - Atualizado em 13/04/2015 07:04

Ed Motta virou um dos assuntos mais comentados da quinta-feira. Tudo começou com um post polêmico no Facebook em que divulgou uma agenda de shows fora do país, mas fez questão de deixar claro que não vai cantar em português e nem adianta brasileiros pedirem no seu show. Ele também mencionou o “pessoal mais culto” que o acompanha sua trajetória e criticou a “turma mais simplória” que gosta de outros gêneros nacionais como axé, pagode e sertanejo:

– O mundo inteiro fala inglês, não é possível que o imigrante brasileiro não saiba um básico de inglês. Verdade seja dita, que meu público brasileiro de verdade na Europa, é um pessoal mais culto, informado, essas pessoas nunca gritaram nada, o negócio é que vai uma turma mais simplória que nunca me acompanhou no Brasil, público de sertanejo, axé, pagode, que vem beber cerveja barata com camiseta apertada tipo jogador de futebol, com aquele relógio branco, e começa gritar nome de time. Não gaste seu dinheiro, e nem a paciência alheia atrapalhando um trabalho que é realizado com seriedade cirúrgica, esse não é um show para matar a saudade do Brasil, esse é um show internacional – escreveu Ed Motta.

Nos comentários do post, Ed Motta foi criticado por muitos brasileiros e acusado de menosprezar a própria cultura. Um dos seguidores até ressaltou que Ivete Sangalo conseguiu lotar o Madison Square Garden, em Nova York, cantando em português, assim como outros artistas nacionais se apresentam no exterior representando o país. A situação ficou ainda pior quando Ed Motta resolveu responder os críticos:

– Não estou procurando novos amigos, não tenho essas carências que o povo latino tem no mil. Quem gosta de ler, ver filmes, tocar, compor, estudar, não estão preocupado com isso, o foco é outro – escreveu o cantor.

Ed Motta foi ainda mais longe. Sem esconder o preconceito, ele criticou o gosto musical de alguns seguidores e ainda chamou um deles de “moço caipira de cidade pequena”:

– Você não entendeu nada. Eu respondo porque tenho respeito. Um caipira como você não está acostumado e ‘Gonzaga’ também não, então dá vontade de dar uma volta na praça, né? Voismicê prefere os ‘artista’ num pedestaRR né? (…) Por isso eu amo essa terra, intolerante, ignorante e opinativa sem saber nada de nada… – escreveu Ed Motta.



whatsapp_jornalismo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top